segunda-feira, 12 de julho de 2010

Recanto do encanto...


Queria dormir no teu regaço

Sentir o teu respirar na minha face

Enfim tudo o que queria era um abraço

Por isso tudo o que faço no enlace

E sentir o teu respirar

No teu olhar adormeço sossegado

Dos meus medos do mau-olhado

Mas sinto o coração a bater

Tão devagarinho sem tremer

E sentir o teu respirar

Deixa-me deveras desafogado

Desta vida enfadonha

Que é esse o nosso viver

Sem dor sem medo sem vergonha

Do que somos hoje em vida

Do que somos sem viver

Nunca a damos por perdida

Porque ao nosso lado o nosso amor

Crianças de peito feito

Sem saber o que por ai vem

Mas vão andando cada um a seu jeito

Sem medo do amanha

Adormeço neste berço do teu regaço

Aqui nesta sala sem barulho

Sinto sim o teu abraço

Fecho os olhos e mergulho

Um comentário:

  1. Olá LP,

    parabéns pelos teus versos.

    Gostei muito...

    Um beijo e boa semana.

    ResponderExcluir